09 junho 2012

Briga na hora de mamar

Na maternidade a minha filha foi bastante elogiada, porque todas as vezes que uma enfermeira ia me aplicar uma medicação lá estava Mariana no peito mamando... E eu como um pombo, de peito estufado de felicidade...
Enfim, recebemos alta, e lá vou eu com meu pacotinho de amor indo pra casa, colocando-a no berço e tudo lindo, feito conto de fadas... Até que... No primeiro choro, eu (como boa mãe) toda feliz, saco dos meus peitões carregados de leite, coloco na boca da menina e ela simplesmente empurra com as minúsculas mãos... E eu insisto, ela berra como se eu estivesse tirando o couro da costa dela (#comofaz).
Então sem neura, vou tentando, até que consigo dobrar a pequena, pensando: "tudo certo, foi uma birra, na próxima vai ser fácil"
Três horas depois... De novo, outro espetáculo, brigamos e ela trancando a boca, empurrando... Saquei o tira leites e dei na colher o leite, ela tomou tudo, péra ai! Ela não quer meu peito???
Às 4 da manhã, outra porrada... E eu exausta, quase pedindo ajuda ao NAM, o leite "empedrando", a garota chorando esfomeada, e eu tendo uma síncope!!!
Meu pai, que é um ser sábio, e cheio de paciência e amor pra dar a neta, pegou-a e me fez colocar compressa de água morna e continuar tentando, só que dessa vez molhando o bico do seio com o leite materno.
Ok! Vamos tentar, a minha filha a essa hora rouca de tanto gritar, e lá vou eu com os seios doloridos e cheia de exaustão!!! Ponho na boca da brava... Ela recusa sem forças acaba cedendo... E lá vamos na primeira briga e uma noite em claro, placar:
Gisele 1 x 4 Mariana
Hoje é o terceiro dia da minha filha em casa, e as brigas prevaleceram até de tarde, e eu descobrir que ela adora mamar ouvindo música... Eu posso com isso?
As brigas cessaram, só prepara-la para o peito cantando qualquer música... Até bula de remédio cantarolada, ela aceita!!!
Ehhh galera!! Vivendo e aprendendo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você achou interessante o que eu escrevi e resolveu comentar... espero críticas - sejam ela construtivas e destrutivas -, desde que não xinguem, tudo bem.
VOLTE SEMPRE!!

Comentários

comments powered by Disqus